9 de abril de 2011

ESCOLHA

O que vem pela frente?
A história perdida
Ou o amor que nos desfaz
Em transe?

Qual foi o começo?

Quando eu vi
Eram caminhos.

A linha do horizonte
Entre santidade
E malefício.

Conheci o tormento
Habitei seu remanso
E, quando voltei,
Nada mais eu tinha

Além do cansaço
Após a luta.

A ti saudarei,
Palavra “escolha”

A ti mandarei o meu canto

Enquanto a vastidão
De uma vida sonhada
Se cobre com palavras
Junto à alva.

Manoel Olavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POEMA DO RAIO DE LUZ

Um poema Feito de feixes De raio de luz No vidro encantado Única Maneira de ver A paixão silenciosa Atrás do segredo dela Pele Pe...