12 de abril de 2011

BRASIL

No Brasil
O real não reina

A razão
Não basta

A aritmética
É puro improviso

O caos 
Usa fantasia

O caso aqui
É muito sério

Algo a se pensar
Até agosto

Na aurora
Serão ruínas

Manoel Olavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POEMA DO RAIO DE LUZ

Um poema Feito de feixes De raio de luz No vidro encantado Única Maneira de ver A paixão silenciosa Atrás do segredo dela Pele Pe...