15 de julho de 2011

EU VI AMOR PASSAR



Eu vi amor passar
Junto à janela baça

Amor de asas
Cujo voo é engano

Eu vi amor voar
Sobre montanhas

Acima de mim
Ele vigiava

O amor fugiu? Partiu
Sem mais aquela?

Não importa: vieste
E isto me basta

Se eu tento esquecer
Volto à mesma estrada

Vislumbro teu olhar
Avesso às minhas costas

Até que me encontres
Nas listras do desejo

- Eu vi amor passar
Ou eram as nuvens?

Manoel Olavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

UM POEMA DE AMOR

São bocas e olhos e auras e gotas E pernas entrelaçadas Fluente transbordante Minha alma brilha Nesta nova cor que vem da tua ...