24 de junho de 2011

NA CAMA DELA



Na cama dela
O corpo
O amor eterno
O tórrido romance

Na cama dela
O filho
A família
O projeto de vida

Na cama dela
O cansaço
A hora de acordar
A briga de madrugada

Na cama dela
A traição
A vontade de morrer
O último adeus

Na cama dela
O medo coletivo
O papel da mulher
O valor de classe

Na cama dela 
Os atos de amor e morte
As razões do destino
A história e os genes
O peso e a pluma
A forma antecipada
Deus e o diabo
E tudo
O mais
Está
Ali


Manoel Olavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

UM POEMA DE AMOR

São bocas e olhos e auras e gotas E pernas entrelaçadas Fluente transbordante Minha alma brilha Nesta nova cor que vem da tua ...