23 de novembro de 2010

ILHA



Tivéssemos
Chegado
À ilha
Que se
Afasta

Veríamos
A face
Da palavra
Na folha
De papel

Lugar onde os
Mitos estão
De pé
Num chão
Das letras

Manoel Olavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POEMA DO RAIO DE LUZ

Um poema Feito de feixes De raio de luz No vidro encantado Única Maneira de ver A paixão silenciosa Atrás do segredo dela Pele Pe...