22 de agosto de 2011

A CADA HORA


A cada hora

Um significado


Em cada dia

O dia anterior


A cada minuto

O mal rebenta


E essa dor

Ausente

No meu

Corpo

Grita


Manoel Olavo

Um comentário:

  1. cada vez que venho aqui eu viajo na beleza de sua poética. meu abraço

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

UM POEMA DE AMOR

São bocas e olhos e auras e gotas E pernas entrelaçadas Fluente transbordante Minha alma brilha Nesta nova cor que vem da tua ...